Conheça mais a Deus, porque gera vida

Uma das resoluções mais importantes que você pode fazer para o seu dia a dia é a de buscar conhecer mais a Deus, o que nos leva à vida verdadeira (Jo 17.3). Às vezes, a nossa fé esfria. E uma das razões principais por trás desse esfriamento é a falta de conhecimento do caráter e do coração de Deus. Quando a gente deixa de crescer em conhecer mais de Deus, é natural que nossa fé e vigor espiritual diminuam.

Procurei, mas não achei, um texto que o Cony escreveu há um tempo. Creio que se chamava “Quando Deus acaba”, mas não tenho certeza. Basicamente, parece que às vezes desejamos que Deus seja de uma certa maneira, e daí somos surpreendidos quando encontramos que é diferente. Mas melhor assim, se o que a gente encontra é o Deus verdadeiro. Porque o problema é quando a gente tem tantas ideias erradas a respeito de Deus, que a gente acaba deixando de acreditar que Ele exista. Daí vemos que o ponto principal é: qual é ou como é o Deus em que acreditamos. Ou seja, a questão verdadeira não é se Deus existe ou se alguém crê em Deus. O ponto principal é sobre em que Deus se crê. Se não, um dia, ele “acaba”.

Ter muitas ideias erradas a respeito de Deus tem solução. Temos a sua Palavra, temos a comunidade como espaço hermenêutico para estudá-la. Temos também o lugar onde a gente vive, as relações, a família, a sociedade, como esse espaço para existencialmente experimentar a realidade de Deus, uma fé que conforma a nossa identidade e como vivemos no mundo ao nosso redor.

Uma boa decisão para o sua dia a dia: estudar, ler, meditar, conhecer mais a fundo o caráter, o coração, os propósitos de Deus, para a tua vida, para a vida de todos. Só assim, disse Jesus, desfrutaremos a vida eterna, a vida verdadeira, a vida que vale a pena viver.

Por Ricardo Wesley Morais Borges,  casado com Ruth e pai de Ana Júlia e Carolina. Integra o corpo pastoral da Igreja Metodista Livre da Saúde, em São Paulo (SP), e serve como secretário regional associado para a América Latina da Comunidade Internacional de Estudantes Evangélicos (CIEE-IFES). Fonte: Revista Ultimato – edição 29 de janeiro de 2016. Texto adaptado pelo Projeto AMIGOS.
Anúncios

Fique a vontade para deixar seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s